Domingo da Palavra de Deus



Com a Carta Apostólica sob forma de Motu Proprio “Aperuit illis” (aberto para eles), o Papa Francisco instituiu em 30 setembro 2019 o Domingo da Palavra de Deus, a ser celebrado no III Domingo do Tempo Comum. 30 de setembro é o dia em que a Igreja celebra a memória litúrgica de São Jerônimo. Segundo o Papa Fracisco, “este domingo seja dedicado à celebração, reflexão e divulgação da Palavra de Deus”. Ele lembra o que afirmava São Jerônimo: “A ignorância das Escrituras é a ignorância de Cristo”

Em 23 de janeiro de 2022 será celebrado o terceiro Domingo da Palavra de Deus. Durante a celebração presidida pelo Papa Francisco na Basílica de São Pedro, com início às 9h30, horário local, se sucederão alguns momentos muito significativos. O ministério do Leitorado e do Acolitado será confiado também a leigos e leigas. Na celebração, o Santo Padre realizará o rito pelo qual o ministério de catequista será conferido a fiéis leigos, mulheres e homens. Cada um desses dois ministérios é conferido por meio de um rito, preparado pela Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos, apresentado pela primeira vez. Os candidatos serão convocados antes da homilia, chamados pelo nome e apresentados à Igreja. Após a homilia, a queles que terão acesso ao ministério do Leitorado recebem a Bíblia, a Palavra de Deus que são chamados a anunciar. Aos catequistas, por outro lado, é confiada uma cruz, reprodução da cruz pastoral usada primeiro por São Paulo VI e mais tarde por São João Paulo II, para recordar o caráter missionário do serviço que se preparam para administrar. Fonte: Vatican News

0 visualização0 comentário